Projeto Leitura sem Fronteiras




Conquistar novos leitores e ampliar o número dos apreciadores da leitura por vários pontos da Bahia. É com este propósito que o Instituto Geográfico e Histórico da Bahia retomou o projeto “Leitura Sem Fronteiras” criado, originalmente, pela Academia de Letras da Bahia - em 2019, pelo então presidente Joaci Góes, hoje à frente do IGHB.


O projeto consiste na instalação de estantes com livros, em empresas privadas e públicas, condomínios, restaurantes, escritórios, consultórios, estacionamentos de mercados, shopping centers e em pontos de transportes coletivos, gratuitamente, para atender os mais diferentes leitores. A proposta foi concebida para operar nos 417 municípios do Estado.


Para colocar em prática, o Instituto conta com o apoio da sociedade civil, na doação de livros. “Além do estímulo à leitura, este projeto tem o caráter educativo, pois, para a retirada do livro do espaço - caso não tenha outro para repor na estante - o leitor assume o compromisso moral e ético, consigo próprio, em devolver a publicação para manter viva a dinâmica da rede de leitores”, explica Joaci Góes, presidente do IGHB. “Precisamos colocar o livro no centro das atenções gerais, de modo a fomentar a leitura em nosso país, que apresenta um dos mais baixos índices de leitores. Sabemos que a leitura tem o papel extraordinário de transformar as pessoas”, complementa Góes.


O acervo bibliográfico disponibilizado no Instituto ao público conta com milhares de volumes com conteúdos diversos, a exemplos de obras acadêmicas, científicas, poéticas, românticas, históricas, dentre outros estilos literários.


Esta é uma parceria de cunho social, onde a sua marca estará abraçando um grande projeto. Pois sabemos que a leitura tem o poder de transformar a vida das pessoas. Mais informações entrar em contato com a coordenadora Ana Guanaes (71)999456136 ou Email: leiturasemfronteiras@ighb.org.br




Pesquisa online[.png
Youtube.png
Facebook.png
instagram ighb.png