Setor de Geografia promove live sobre o "Baixo Beberibe: a represa do Varadouro e os negros can

Na próxima quinta-feira (27) de agosto, às 14h30, o Núcleo de Estudos de Geografia do Instituto Geográfico e Histórico da Bahia promove a live "Baixo Beberibe: a represa do Varadouro e os negros canoeiros – o higienismo entre o Recife e Olinda" (canal youtube.com/ighbba), com a participação do convidado Dr. Bruno Maia (LECgeo-UFPE) e mediação dos profissionais de Geografia Dr Adriano Amaro de Souza (Faculdade de Tecnologia de Itaquaquecetuba/SP) e professor Luciano de Almeida Lopes (sócio efetivo do IGHB).

A live revisitará os usos do baixo rio Beberibe, situado entre as vilas de Olinda e do Recife, desde o século XVII até o final do século XIX, centrando-se nas ações médico-higienistas junto a represa do Varadouro e ao transporte de canoas d'água, realizado por negros canoeiros. A proposta é refletir sobre o baixo Beberibe enquanto lócus da corporificação higienista no século XIX, com a construção de objetos nocivos a saúde pública, num espaço marginal entre o Recife e Olinda. Em outras cidades também ocorreu esse processo, como em Salvador, com o saber médico dotando de certos usos mais afastados do centro urbano.

O IGHB é uma das instituições apoiadas pelo programa Ações Continuadas a Instituições Culturais, iniciativa da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) através do Fundo de Cultura da Bahia (FCBA).

Pesquisa online[.png
Youtube.png
Facebook.png
instagram ighb.png