A entidade cultural mais antiga da Bahia completa 128 anos de existência!


Fundado a 13 de maio de 1894, o Instituto Geográfico e Histórico da Bahia tem como finalidade a promoção da cultura, a defesa e a conservação do patrimônio histórico e artístico.

A Casa da Bahia promove cursos e palestras e possui riquíssimo acervo, reunido em biblioteca, hemeroteca, pinacoteca e arquivo histórico, que pode ser visitado por pesquisadores e pela comunidade baiana.

O Instituto Geográfico e Histórico da Bahia é uma pessoa jurídica de direito privado apoiada pelo programa Ações Continuadas do Fundo de Cultura do Estado da Bahia.

No entanto, a Casa da Bahia tem sofrido com a insegurança pública e ainda sente as consequências financeiras, agravadas pela pandemia, sendo fundamental a mobilização da sociedade civil e do governo estadual para a restauração da estrutura física e a superação dos problemas relatados.

Concomitantemente à resolução das questões apontadas, prosseguimos com os acertos das gestões passadas e trazemos audaciosos projetos, como a digitalização de todo o acervo documental para ser disponibilizado através da rede mundial de computadores, a criação de prêmios de incentivo à pesquisa, a realização de congressos de história e geografia, a implementação do programa Leitura sem Fronteiras.

A Casa da Bahia está aberta a todos! Para nós, o maior presente é encher a casa de vida com a presença dos pesquisadores e visitantes. Para isso, criamos um ambiente de confraternização cultural, instalando o café literário que funciona em nossa sede, onde os ilustres visitantes poderão desfrutar de conversas cultas e respirar o ar de atmosfera da alta cultura baiana.

Vida longa ao Instituto Geográfico e Histórico da Bahia!


*Joaci Fonseca de Góes é Presidente do Instituto Geográfico e Histórico da Bahia

Artigo publicado no jornal Tribuna da Bahia de 13 de maio de 2022



Pesquisa online[.png
Youtube.png
Facebook.png
instagram ighb.png